Trabalho formal e vida de freelancer: como conciliar?

Hoje é cada vez mais comum encontrar pessoas que possuem um emprego formal e que também fazem aquele “por fora”. Especialmente nessa crise financeira pela qual ainda estamos passando, muita gente está precisando daquela grana extra.

Quando comecei a trabalhar como redatora freelancer, já trabalhava como recepcionista em um curso para concurso aqui da minha cidade. Não me atrapalhava em nada visto que o trabalho forma era apenas aos finais de semana.

Mas, depois de algum tempo, eu comecei a trabalhar no turno da noite também nesse curso, de segunda a sexta. O trabalho era muito tranquilo e até daria para fazer os textos lá (meu chefe não importava nem um pouco desde que não atrapalhasse meu trampo lá é claro), mas não estava dando muito certo.

Para conciliar foi bem tranquilo: eu trabalhava como redatora de manhã e parte da tarde e de noite no meu emprego formal. Porém, chegou um momento que precisei tomar uma decisão.

Dois foram os motivos que me fizeram sair do meu emprego formal: o primeiro é que percebi que não gostava de horários fixos e ter que ir na mesma hora para o mesmo lugar, me fez perder a motivação para o trabalho. A galera lá era ótima, meu chefe também era super legal (hoje em dia somos amigos e nos falamos constantemente)  mas quando a gente passa a se conhecer melhor, percebemos o que combina ou não conosco.

Além desse motivo, começaram a chegar mais freelas e eu notei que precisaria de mais tempo para dar conta. Se eu continuasse no meu emprego formal, perderia freelas e clientes que nunca mais voltariam a me procurar.

Pois bem, a decisão foi tomada. Trabalhei até o final de junho de 2014 e então saí. Já tinha dado o aviso prévio, ajudei a treinar a nova funcionária e pronto!

É claro que houve uma organização financeira antes né? Eu parei de fazer compras no cartão de crédito e todo o dinheiro que recebia era para pagar ou fazer compras mínimas sempre à vista. Quando estava devidamente organizada, inicie a minha carreira de redatora freelancer em tempo integral.

Eu não me arrependi de forma alguma. Foi uma decisão certa, tomada no momento certo (coisa rara de acontecer comigo), mas foi assim. Basta se organizar e tudo sairá em perfeita ordem.

Blza?? Qualquer dúvida, é só gritar!

Anúncios

2 comentários em “Trabalho formal e vida de freelancer: como conciliar?

  1. Adorei o seu site, estou entretida aqui lendo todos os seus posts. Estou começando nesse mundo, tenho um trabalho formal e estou conciliando os frellas, trabalho e faculdade, rs! Mas estou gostando. Segui suas dicas e estou terminando todas as certificações, tenho certeza que vai me ajudar ainda mais. Continue escrevendo, de todos os blogs ou sites você é a mais direta e a que se parece mais “gente como a gente” rs!
    Um grande beijo.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Aiiii que bom Bruna!!! Fico feliz que estou conseguindo passar a mensagem dessa forma, pq a minha ideia é essa mesmo, afinal de contas, passei pelos mesmos perrengues 😉

      Você é daquelas que corre atrás e isso é um grande diferencial, vá em frente! Qualquer coisa, conte comigo!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s